.

" O amor é uma chama inquieta. Não pode ficar parada". (Santo Agostinho)